terça-feira, 17 de julho de 2007

A inveja de Totó

Amélia e o Padre Amaro, na casa do sineiro, «vêm ambos, sobem para o quarto, fecham- se por dentro; são como cães!» É isso que os apaixonados são, cães felizes e pouco discretos.