quarta-feira, 6 de julho de 2011

Existo: desculpa.

Peço sempre por favor; peço sempre desculpa. Até por existir. Quando é que isto acaba, se não consigo parar de pedir desculpa, se não posso deixar de existir?

1 comentários:

Pedro Afonso disse...

Estás desculpada.. podes deixar de existir agora.