quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Certezas

Quanto maiores, mais abaláveis.

0 comentários: